Editora procura autores para livro de contos LGBTQIAP+

Obra será lançada na Bienal do Livro de São Paulo de 2018

Publicado em 11/01/2018
Bandeira LGBTQIAP+

Devido à falta de representatividade, a Rico Editora decidiu criar o concurso literário Orgulho de Ser, a fim de aumentar a visibilidade da comunidade LGBTQIAP+. A proposta resultará em uma antologia organizada pela escritora Thati Machado, conhecida por suas histórias cheias de representatividade, e lançada na Bienal do Livro de São Paulo de 2018.

A obra será composta por sete contos no gênero Jovem Adulto, escritos por sete diferentes autores - Thati Machado será um deles. Outros três escritores serão selecionados por meio de um concurso aberto para o público, disponível na plataforma de autopublicação Sweek.

A competição teve início neste 2 de janeiro e vai até o dia 31 de março. O resultado sairá no dia 30 de abril. Para participar, basta escrever um conto com até 3 mil palavras na plataforma. É importante lembrar que o personagem principal do conto precisa, necessariamente, pertencer à comunidade LGBTQIAP+.

Confira os vídeos do Bar de Batom no YouTube

Não existe taxa de inscrição ou qualquer outro custo, como impressão e publicação. Os autores escolhidos receberão uma comissão de 1% das vendas, além de um relatório comprobatório, a cada 3 meses.

As informações completas sobre o concurso estão no edital, publicado no site Eu Leio Brasil

Foto: Pixabay