Clarice Lispector é destaque no Google

Escritora e jornalista foi tema do Google Doodle nesta segunda-feira (10)

Publicado em 10/12/2018
colagem-do-google-doodle-com-foto-de-clarice-lispector-e-referências-de-brasil-e-ucrânia

Foto: Reprodução/Google (Ilustração de Mariana Valente)

Ao acessar o Google nesta segunda-feira (10), os internautas brasileiros encontraram uma homenagem para Clarice Lispector, que hoje completaria 98 anos. A escritora e jornalista foi tema do Google Doodle, série de fotos e animações diárias exibidas na página inicial do buscador, ilustrando datas relevantes e comemorativas.

Neta elaborou a ilustração

Para a ocasião, o Google utilizou uma colagem feita por Mariana Valente, designer e neta de Clarice. As imagens mesclam referências da Ucrânia, seu país de nascimento, e Brasil, para onde Lispector se mudou com a família aos dois anos e passou a maior parte da vida. Sobre este processo, Mariana contou em entrevista ao site G1: “Digitalizei algumas imagens e texturas e tive a ideia de mostrar ela saindo com a família lá da Ucrânia e chegando ao Brasil, começando a trabalhar como jornalista, e depois se direcionando para o próprio trabalho de escrita”.

Ao clicar no Google Doodle especial, o leitor encontra na primeira página links para perfis, frases e informações sobre a escritora. A colagem também é exibida em outros países, como Argentina e Portugal.

Livros publicados em cerca de 30 idiomas

Nascida Chaya Pinkhasovna Lispector, na Ucrânia, Lispector se naturalizou brasileira e também morou no exterior, ao lado do diplomata Maury Gurgel Valente, seu marido por dezesseis anos. Atuou como jornalista quando poucas mulheres participavam das redações, mas foi como escritora que teve mais destaque. Autora de clássicos como “A Hora da Estrela”, “Laços de Família” e “A Paixão Segundo G.H.”, teve sua obra publicada em cerca de 30 idiomas e a forma como abordava delicados assuntos ainda inspira muitas mulheres.

Clarice faleceu no Rio de Janeiro, um dia antes de completar 58 anos, vítima de um câncer no ovário. Para entender mais sobre a trajetória da escritora, estão disponíveis biografias interessantes, como “Clarice: uma vida que se conta”, de Nádia Batella Gotlib (Editora da Universidade de São Paulo), e “Clarice, uma biografia”, de Benjamin Moser (Cosac Naify).